Lendo agora
“Outras canções, outras histórias” – trovador Pedro Pinheiro se apresenta em São Miguel do Oeste/SC

“Outras canções, outras histórias” – trovador Pedro Pinheiro se apresenta em São Miguel do Oeste/SC

Claudia Weinman
blank
Trovador Pedro Pinheiro fará apresentação no domingo, dia 03, em São Miguel do Oeste/SC. Foto: Claudia Weinman.

O músico, trovador e compositor, Pedro Pinheiro, retorna às apresentações presenciais neste domingo, dia 03 de abril de 2022. O projeto “Outras histórias, outras canções”, deve reunir o público no auditório do Sindicato dos Bancários, no centro de São Miguel do Oeste/SC, a partir das 19h. Seguindo as orientações sanitárias, o espaço é reservado para 50 pessoas e o uso de máscara e álcool gel é permanente. A contribuição para essa apresentação é no valor sugerido de R$ 15,00.

Para o Trovador, o projeto deve contemplar outras canções que ainda não foram gravadas, elaboradas especialmente nesses dois anos de pandemia mundial. “Temos outras histórias para contar, além daquelas que as pessoas já tiveram a oportunidade de conhecer no primeiro disco que lançamos em 2019. É preciso, aos poucos, retornar”, disse.

Trabalho

Primeiro disco lançado pelo Trovador Pedro Pinheiro, em 2019.

Pedro lançou seu primeiro disco intitulado “Um Outro Olhar do Sul” no dia 28 de julho de 2019. O artista, natural do município de Guarujá do Sul, preparou naquele momento um trabalho em sua maioria autoral, guiado por realidades que não aparecem no plano tradicional das canções do Sul do Brasil, manifestando a vida a partir dos invisíveis.

Segundo ele, esse primeiro álbum conta um pouco da história do Sul do Brasil. “Falamos da história mas não de maneira ufanista como temos ouvido nas músicas cotidianamente. A ideia é fazer uma releitura crítica, trazer uma análise de algumas coisas, fatos que acontecem na região Sul do país”.

O disco embora tenha a pretensão de contextualizar a vida a partir do Sul não se limita à essa região. “Nossa intenção é buscar outros lugares possíveis que essa música possa nos conduzir”, disse.

O trovador segue dizendo que a poesia, o poema, a música que compõe esse disco exige mais atenção e um espaço adequado para que possa ser ouvida e leve ao “resultado” esperado. “Não é uma música para tocar nos bares, mas as pessoas devem ir para assistir, ouvir e criticar se assim considerarem”.

Produção

“Um outro olhar do Sul” é uma produção do trovador  Pedro Munhoz. As gravações foram realizadas no espaço da rádio Cultura Comunitária de São Miguel do Oeste. Captação de áudio, mixagem e masterização feitas por Eduardo Rampanelli Pompermayer.

Acompanhe um resumo desse álbum.

Doze canções por: Pedro Pinheiro.

Assim é o meu (e nosso) primeiro disco, com doze canções. Com certeza um desafio, pois as composições em sua maioria são próprias. Parti do singular e do cotidiano individual para abraçar a coletividade e o plural. Quero falar de mim e das minhas coisas, das pessoas ao meu redor e do meu compromisso com e para o mundo.

Entre as 12 canções, apenas uma delas não tenho participação como compositor, mas a trago dentro do coração pelo seu simbolismo na minha vida. Outras obras carregam parceria com Pedro Munhoz (trovador e produtor do disco) e minha estimável companheira Claudia Weinman.

As letras têm uma temática abrangente, como militância, arte, política e história. Aquilo que vivencio diariamente. Ao som basicamente de violões e viola caipira, com uma percussão leve em algumas faixas, quero contar e “dividir emoções”, entregar para quem quiser ouvir uma arte direcionada à resistência, luta e utopia.

Apresentação do trabalho por: Martim César

See Also

Em tempos que a música deveria ser de identidade, ela tornou-se uma embalagem que não se importa nem um pouco com o conteúdo, por isso, é muito bom poder apresentar um trabalho como este, de identidade verdadeira. Milongas, vidalas, modas de viola, toadas, unindo os caminhos sul-americanos. Essas canções chegam despacio, sem apuro, como as tropas que uniam Minas Gerais com Colônia do Sacramento e que desde Colônia subiam pelos caminhos de mula até a montanha de prata de Potosí. No meio desses caminhos, a sonoridade e as letras passam pela miscigenação forçada, pelo sofrimento índio, pela escravidão negra, pela exploração branca e pelo aparecimento das cidades que hoje conhecemos. Não é algo óbvio, está no pano de fundo, como as paisagens repletas de horizontes largos, por onde esses caminhos vão avançando. Assim é este trabalho poético-musical chamado Um outro olhar do Sul. Uma viagem musical que mostra um pouco dessas desigualdades deste sul do mundo, mas também que mostra a musicalidade que foi se forjando nesses lugares. É uma tropa que segue lentamente, abrindo caminhos, guiada por seres de carne-e-osso, homens que conhecem o ofício e as manhas do tempo, não por tropeiros estilizados que só existem nas canções que não tem raiz. Adelante Pedro Pinheiro, um cantautor que não segue a corrente de fáceis jornadas. É mais difícil a caminhada dos que cantam verdades, mas também é a que traz mais recompensa interior, que, no final das contas, sempre é a que possui mais valor.

Apresentação no domingo:

Para agendar a participação na apresentação no domingo, dia 03 de abril, é necessário fazer contato pelo telefone WhatsApp: 49 9182-2727.

Agenda: 

O trovador fará uma participação especial no mês de maio, no projeto “Diário de Canções”, do também trovador Pedro Munhoz. A apresentação está marcada para o dia 14 de maio, na cidade de Modelo/SC.